quinta-feira, 28 de novembro de 2019

FATOS E FOTOS - A REVISTA QUE REGISTROU AS FOTOS E OS FATOS DE UMA ÉPOCA


Lançada no início dos anos 1960 pela Editora Bloch, a revista Fatos e Fotos, circulou semanalmente até meados dos anos 1980. Editada inicialmente para aproveitar as fotos remanescentes da  Manchete, outra publicação da editora, a Fatos e Fotos caiu no gosto popular e rapidamente alcançou grande vendagem chegando a ser a quarta revista de maior vendagem da Bloch. 

A partir do ano de 1975 passou a circular com o subtítulo "Gente", antecipando uma tendência de publicação que seria reforçada anos depois com as publicações das revistas "Caras", "Quem" e "Isto É Gente", entre outras.

A Fatos e Fotos tinha, como estrutura de diagramação, textos enxutos e a documentação das matérias com fartura de belas fotos. Os fatos focavam dramas sociais e vida pessoal de pessoas conhecidas da política e do meio artístico, passando pelos grandes eventos como campeonatos de futebol, telenovelas de sucesso e o carnaval.

Aqui em algumas capas da revista, um rápido passeio sobre os fatos e as fotos que marcaram uma época. Boa viagem!


Tarcísio Meira, o grande astro da televisão numa capa de 1969

A estrela de teatro Tereza Rachel em 1963

A grande atriz Nathalia Timberg em 1964

Hélio Souto, o primeiro grande galã de telenovelas, e Iris Bruzzi protagonizaram, em 1964, a telenovela É Proibido Amar, na TV Excélsior

Em 1965 o fato era o sucesso da telenovela O Direito de Nascer. Na foto estão os atores José Parisi, Amilton Fernandes, Guy Loup e Nathalia Timbgerg

Em 1966 o destaque foi o final da telenovela O Direito de Nascer. Na foto estão os atores Maria Luiza Castelli, Elisio de Albuquerque, Nathalia Timberg e  Amilton Fernandes.

Em 1966 a TV Globo exibia o seu primeiro grande sucesso em telenovelas: Eu Compro Esta Mulher, protagonizada pelo super galã Carlos Alberto, intérprete do Frederico Aldama.

Carlos Alberto e Sônia Clara foram os destaques de outro sucesso da TV Globo em 1966: a telenovela O Rei dos Ciganos

Em 1967 o grande sucesso da TV Globo foi a telenovela O Sheik de Agadir, protagonizada por Henrique Martins. A bela Márcia de Windsor estava no elenco.

Hebe Camargo, a grande apresentadora da televisão nos anos 1960

A beleza de Karin Rodrigues em 1967

A grande estrela de cinema Leila Diniz

Jô Soares em 1969

O casal Dina Sfat e Paulo José

O casamento de Jorge Ben


Roberto Carlos e sua primeira mulher, Nice


Luis Gustavo, o astro de Beto Rockfeller em 1968

A estrela do cinema Leila Diniz

a beleza exuberante de Rosemary em 1971

A gatíssima Sandra Barsotti em 1971


Os concursos de fantasia do carnaval carioca sempre mereceram destaque na revista, como essa belíssima e luxuosa fantasia do campeão Evandro Castro Lima no carnaval de 1968

Sérgio Cardoso e Aracy Balabanian, os astros da telenovela Antônio Maria, grande sucesso de 1969, escrita por Geraldo Vietri

Marília Pêra entre plumas

O playboy internacional Bernard 

A estrela Betty Faria em 1970

Regina Duarte em 1971

Um pássaro? Um avião? simplesmente a escultural Marina Montini em 1972

Djenane Machado

Rivelino em ótimas companhias em 1972

A gata Sandra Barsotti numa outra capa em 1971

O galã de cinema Francisco Di Franco entre duas gatas. A da esquerda é a bela estrela Monique Lafond

A atriz francesa Maria Schneider, a estrela do polêmico filme O Último Tango em Paris numa capa de 1972

Tarcísio Meira e a cantora Wanderléia em 1973

O casal Paulo José e Dina Sfat em 1973

A estrela Yoná Magalhães retornando ao primeiro time das estrelas globais em 1974

Dina Sfat em 1974

A estrela  de cinema e teatro americano Liza Minelli numa capa de 1974


A bela Vera Fischer, despontando para o sucesso em 1974

A intimidade de Tarcíso Meira e Glória Menezes, o casal número 1 da televisão, em 1974

Em 1974, Regina Duarte retornava às telenovelas num dos principais papéis de Fogo Sobre Terra

Nívea Maria, uma das estrelas da telenovela Corrida do Ouro, em 1974

O sucesso da peça Feira do Adultério e a participação na telenovela Cuca Legal garantiram uma capa com Rosamaria Murtinho em 1975

A estrela Djenane Machado em mais uma capa

O Maestro Erlon Chaves cercado de belas mulheres

A bela brasileira Florinda Bolkan brilha no cinema europeu em 1974

A estrela de cinema Irene Stefânia adere à televisão  

A bela Tamara Taxman em pose sexy para  uma das capas de 1974


A estrelíssima Sandra Bréa numa capa de 1975

Em 1975 Françoise Forton se destacou como uma das estrelas da telenovela Cuca Legal e foi notícia pelo seu namoro com o modelo Pedrinho Aguinaga


A beleza de Maria Cláudia enfeitou várias capas da revista

Sandra Barsotti em outra capa, em 1974

O casal mais bonito do Brasil: Vera Fischer e Pedrinho Aguinaga

Maria Cláudia em mais uma capa

Yoná Magalhães, Renata Sorrah e Glória Menezes brilharam nos palcos com a peça Vagas para Moças de Fino Trato em 1975

Angela Maria e suas filhas 

Betty Faria

Betty Faria

Betty Faria e Mário Gomes no filme O Cortiço

Francisco Cuoco e a proibição de Roque Santeiro em 1975

Ilka Soares e Dênis Carvalho, um casal polêmico na telenovela Locomotivas em 1977

Dênis Carvalho elevado ao posto de um dos galãs da TV Globo

Dina Sfat e Francisco Cuoco estrelaram a telenovela O Astro em 1978

Dina Sfat

Djenane Machado

A eterna alegria de Elke Maravilha

Armando Bógus e Renata Sorrah em 1976 na telenovela O Casarão. A censura implicou com o desquite do casal

Rosamaria Murtinho, uma das garantias de sucesso da telenovela Pecado Capital, foi uma das capas de 1976

Mais um herdeiro para Silvio Caldas em 1976

Agildo Ribeiro e Rogéria agitaram os palcos cariocas com o show Alta Rotatividade em 1976

1976 marcaria a volta de Regina Duarte às telenovelas, depois de um tempo atuando no seriado Malu Mulher, mas a novela Despedida de Solteiro foi proibida pela censura uma semana antes da estréia.

Renata Sorrah em O Casarão (1976)

1976 marcou a estreia de Antônio Fagundes na TV Globo

Sônia Braga, depois do sucesso de Gabriela, atuou em Saramandaia, novela de Dias Gomes, em 1976, fazendo par com Juca de Oliveira. Um casal nada convencional: Ele tinha asas e ela incendiava os lençóis.

Walmor Chagas e Zezé Mota estrelaram Xica da Silva, filme de grande sucesso dirigido por Cacá Diegues em 1976

Elizabeth Savalla, Ida Gomes e Suely Franco foram três freiras na telenovela Estúpido Cupido, em 1976

Grande estrela de teatro, Maria della Costa fez grande sucesso como uma mulher desquitada em Estúpido Cupido, em 1976

O elenco jovem de Estúpido Cupido, grande sucesso de 1976: Djenane Machado, Françoise Forton, João Carlos Barroso, Ney  Latorraca, Ricardo Blat e Heloisa Raso

Débora Duarte foi um dos destaques da telenovela Pecado Capital, escrita por Janete Clair em 1976

Elizangela e Lauro Góes viveram o drama do celibato e encantaram o público na telenovela Pecado Capital, escrita por Janete Clair em 1976

Pepita Rodrigues fez grande sucesso na telenovela Anjo Mau e mereceu capa em 1976

Suzana Gonçalves

A morte no exílio do ex-presidente Jango Goulart em 1976

Toda a beleza de Sandra Bréa numa capa de 1976

O astro Mário Gomes  em uma capa de 1977

Djenane Machado e Lima Duarte na telenovela Espelho Mágico, em 1977

Aracy Balabanian, Lucélia Santos, Cláudio Marzo, Pedro Veras e Walmor Chagas se uniram num projeto teatral em 1977 

A beleza exuberante de Wilma Dias em 1978

Tony Ramos numa capa de 1978

Sônia Braga e Antônio Fagundes estrelaram a telenovela Dancin´Days, escrita por Gilberto Braga em 1978

Os jovens Glória Pires e Lauro Corona foram alçados ao estrelato na telenovela Dancin´Days em 1978

Em 1978, o Brasil disse adeus ao estilista Dener. Foi o responsável pelo figurino da ex primeira dama Maria Thereza Goulart e jurado polêmico no júri do programa Flávio Cavalcanti. Seu bordão "um luxo!" ficou famoso na época.

O extraordinário sucesso da telenovela Dancin´Days mereceu capa e reportagem no seu final em 1978

A grandiosidade dos desfiles de carnaval do Rio sempre mereceram destaque na revista. Essa capa tem a cantora Alcione desfilando pela Escola de Samba Mangueira em 1979

Tony Ramos e Elizabeth Savalla  estrelaram a telenovela Pai Herói escrita por Janete Clair em 1979

Paulo Autran, depois de anos de teatro fez imenso sucesso na telenovela Pai Herói

Elizabeth Savalla, a heroína de Pai Herói

Tony Ramos, o astro de Pai Herói

A Morte da apresentadora Márcia Mendes em 1979

Tony Ramos e Glória Menezes brilharam na telenovela Pai Herói 

Tony Ramos entre Elizabeth Savalla  e Glória Menezes, o triângulo amoroso de um grande sucesso, a telenovela Pai Herói 

Glória Menezes teve em Ana Preta, seu papel em Pai Herói, um dos melhores papéis de sua carreira na televisão

Armando Bógus e Mila Moreira foram dois destaques da telenovela Marrom Glacê, escrita por Cassiano Gabus Mendes em 1980

A maravilhosa Maria Bethania em 1980

Toda a irreverência de Rita Lee numa capa de 1980 

Kate Lyra estrelou a comédia erótica Convite ao Prazer filme de 1980

Reginaldo Farias foi o astro principal da telenovela Água Viva, escrita por Gilberto Braga em 1980 

Angela Leal foi um dos grandes destaques da telenovela Água Viva, ao lado de Isabela Garcia, que encantou o Brasil vivendo uma doce órfã na história escrita por Gilberto Braga em 1980


Toda a sensualidade de Sônia Braga  no filme Eu Te Amo, dirigido por Arnaldo Jabor em 1981

A beleza atemporal de Tônia Carrero em 1981

A tragédia que levou Elis Regina em 1982

Fernanda Montenegro, ao lado de Cláudio Marzo, brilhou na telenovela Brilhante escrita por Gilberto Braga em 1982

Tarcísio Meira e Vera Fischer no final da telenovela Brilhante



A escultural Heloísa Raso


Glória Menezes foi a estrela da telenovela Jogo da Vida, em 1981, iniciando uma longeva parceria com o autor Silvio de Abreu 

Glória Menezes, a estrela da telenovela Jogo da Vida, em 1981


Heloisa Milet, uma das  estrelas da telenovela Feijão Maravilha em 1979

Lucélia Santos 

Lucélia Santos 

Lúcia Alves

Sidney Magal em seu auge

Mário Gomes e o fim do romance com Betty Faria

Mário Gomes 

Bruna Lombardi e Ney Latorraca

Djenane Machado e Ney Latorraca

Ney Latorraca enfrenta uma estafa


Janete Clair desvenda o mistério que eletrizou o público na telenovela O Astro em 1977: Quem Matou Salomão Hayala, papel brilhantemente interpretado por Dionísio Azevedo (no destaque)

Nuno Leal Maia e Sônia Braga num grande sucesso do cinema, o filme A Dama do Lotação, em 1978

Os galãs Fábio Júnior e Paulo Figueiredo

O casal Elizabeth Savalla e Marcelo Picchi

Regina Duarte protagoniza cena de sexo com o ator Arduino Colassanti no cinema e escandaliza os pudicos

Regina Duarte muda sua imagem de mocinha recatada  ao protagonizar o seriado Malu Mulher, um marco na história da televisão

Regina Duarte 

A bela Renée de Vielmond

Reinaldo Gonzaga e Vera Gimenez viveram o casal Doca Street e Ângela Diniz no filme A Morte da Pantera, sobre o crime que mobilizou a imprensa brasileira nos anos 1970


Toda a beleza de Ronnie Von numa capa de 1977


Elizabeh Savalla e a religião


Suzana Vieira na telenovela Duas Vidas

Tarcísio Meira

Tarcísio Meira e Glória Menezes na peça Tudo Bem no Ano Que Vem, um grande sucesso


Toni Correia, um português brilha na televisão brasileira em Locomotivas

Tony Ramos e Fátima Freire protagonizaram no teatro uma montagem da peça O Pagador de Promessas em 1979


As estrelas Christiane Torloni e Elizabeth Savalla


Regina Duarte volta ao teatro em 1975 na peça Reveillon

A bela Marina Montini, musa do pintor Di Cavalcanti, numa capa de 1982

A morte repentina de Jardel Filho em meio à novela Sol de Verão, choca o Brasil em 1983

Um enfarte assusta o inveterado fumante Paulo Autran em 1983

A morte de Janete Clair: O Brasil diz adeus à sua novelista maior em 1983


Fotos: acervo de Orias Elias