quinta-feira, 11 de agosto de 2022

VERA NUNES A BONEQUINHA DO CINEMA

 

Isaura Nunes Henriques nasceu no dia  12 de agosto de 1928, na cidade do Rio de Janeiro. Para satisfazer o pai, ela se formou contabilista, mas aos 16 anos prestou concurso e foi aprovada para ser radioatriz na Rádio Ministério da Educação, ingressando no elenco da emissora ao lado dos também estreantes Fernanda Montenegro e José Vasconcelos. Na rádio, foi rebatizada Vera Nunes, que viria a ser seu nome artístico.

A estréia no cinema ocorreu em Noites de Copacabana, filmado em 1947 e lançado em 1950 com o título “Um Beijo Roubado”. Nesse período também atuou numa produção argentina, o filme Não Me Diga Adeus (1947), também lançado em 1950, tendo como galã, o brasileiro Anselmo Duarte. Entre 1948 e 1950 Vera Nunes era uma das atrizes mais requisitadas do cinema brasileiro e  atuou nos filmes Pinguinho de Gente; Mãe; Também Somos Irmãos; Garota Mineira; Uma Luz na Estrada; Suzana e o Presidente e Falta Alguém no Manicômio. Em 1950 ela concorreu ao título de Rainha do Cinema Brasileiro, mas ficou em segundo lugar, recebendo o título de “A Princesa do Cinema Brasileiro”, mas a crítica especializada da época, insatisfeita com o resultado do concurso, a apelidou de "A Bonequinha do Cinema”.

No teatro, começou na Cia da atriz Aimée na peça Como os Maridos Enganam e em 1949, atuou no sucesso Um Deus Dormiu Lá em Casa, no Teatro Copacabana, ao lado de Paulo Autran e Tônia Carreiro, que fundava sua própria Cia de teatro. Depois de outros trabalhos com a Cia de Tônia, Vera, já uma aclamada atriz dos palcos, passou pelas companhias de outros artistas como Procópio Ferreira, Dulcina de Moraes e Nydia Licia, além de posteriormente ter sua própria companhia teatral, em sociedade com o seu então noivo, o diretor de teatro Carlos Alberto de Oliveira.

No Teatro, com sua companhia, encenou a polêmica peça Presença de Anita, e quando o texto foi levado para as telas do cinema, ela foi escalada para ser a protagonista. Porém, o diretor Ruggero Jacobi, durante os ensaios, preferiu escalar Antonieta Morineau, filha de Henriette Morineau, para o papel principal, achando que Vera ficaria melhor no papel da doce Diana.

Em 1952, após atuar no filme Custa Pouco a Felicidade, Vera Nunes fez uma pausa no cinema, para ingressar na recém-inaugurada televisão. Seu primeiro trabalho foi no teleteatro Casamento no Uruguai, em 1952, encenado no Grande Teatro Tupi.

Mas a atriz permaneceu pouco tempo na TV Tupi, sendo contratada por uma nova emissora que surgia, a TV Paulista, onde,  ao lado de Jane Batista, foi o primeiro rosto a ser exibido pela emissora. Na TV Paulista, Vera Nunes protagonizou a primeira novela do canal, Helena (1952), adaptação do romance de Machado de Assis.

Na TV Paulista, ela protagonizou também o seriado As Aventuras de Suzana (1953), mas logo a atriz regressou à TV Tupi, onde deu continuidade à série, na qual era também uma das roteiristas.

Da TV Tupi, Vera Nunes foi para a TV Record, onde atuou em diversos teleteatros em um programa chamado Teatro Vera Nunes. Na Record atuou também, ao lado de Walmor Chagas, no seriado O Casal Mais Feliz do Mundo (1955), na mesma linha dos bem sucedidos seriados I Love Lucy e Alô Doçura.

Ainda em 1955, Vera Nunes retornou ao cinema em Armas da Vingança e em 1957 atuou em Dorinha no Society, encerrando sua primeira fase no cinema e passando a se dedicar mais ao teatro.

Em 1959 voltou para as telenovelas, atuando em A Ponte de Waterloo, na TV Tupi e no programa Estúdio 13, da TV Rio.

Em setembro de 1961 Vera se casou com o ator Altamiro Martins, que ela havia conhecido nos corredores da TV Paulista e logo após o casamento, o casal viajou para uma temporada teatral em Portugal, ficando trabalhando na Europa por seis meses.

Em 1964, contratada pela TV Excélsior, atuou na novela O Pintor e a Florista e  também foi apresentadora do Vesperal Vespertino, um programa feminino. Em 1966, a convite do diretor Walter Avancini, atuou em As Minas de Prata, escrita por Ivani Ribeiro, que se transformou num grande sucesso, e me seguida, na mesma emissora, atuou nas novelas Os Fantoches (1967), Legião dos Esquecidos (1968), Os Estranhos (1969), Sangue do Meu Sangue (1969), A Menina do Veleiro Azul (1969) e Dez Vidas (1969).

Com o fechamento da TV Excelsior, Vera Nunes retornou para a Tupi, onde integrou o elenco das novelas O Meu Pé de Laranja Lima (1970) e Um Dia, Um Amor (1975). Após alguns anos afastada da televisão, período em que se dedicou ao teatro, retornou na minissérie Avenida Paulista (1982), na Rede Globo, e na novela Jogo do Amor (1985), no SBT, seu último trabalho na televisão.

Afastada do cinema e da televisão, a atriz lecionou teatro e dicção em cursos como a Escola Emilio Fontana, o Colégio William Shakespeare e a Escola Ewerton de Castro. Além de professora, teve atuação no Sindicato dos Artistas de São Paulo e prestou serviços para a Secretaria Estadual de Cultura e Secretaria Municipal de Cultura.

 Em 2003 retornou ao cinema, trabalhando no filme independente A Quarta Parada (2003) e em seguida, participou dos filmes Tal Pai, Tal Filho (2004), Autofagia (2007) e O Profeta (2008).

Vera Nunes morreu no dia 2 de fevereiro de 2021, aos 92 anos de idade, encerrando uma formidável folha de serviços prestados no universo artístico brasileiro. Aqui, um pouco de sua trajetória no cinema, teatro e televisão.  


Vera Nunes

Vera Nunes

Vera Nunes

Vera Nunes

Vera Nunes

Vera Nunes

Vera Nunes

Vera Nunes

Vera Nunes

Vera Nunes

Vera Nunes

Vera Nunes

Vera Nunes

Vera Nunes

Vera Nunes

Vera Nunes

Vera Nunes

Vera Nunes com o marido Altamiro Martins

Vera Nunes com o marido Altamiro Martins e os filhos

Vera Nunes com o galã de cinema americano Jeff Hunter

Vera Nunes com a colunista de cinema Dulce Damasceno de Brito, Rubens de Falco, a atriz americana Debbie Reynolds e John Herbert 

Vera Nunes com a colunista de cinema Dulce Damasceno de Brito, Rubens de Falco e  a atriz americana Debbie Reynolds 

Vera Nunes com Maria Fernanda 

Vera Nunes com Cyll Farney, Marlene e Maria Costa no filme Beijo Roubado - Noites de Copacabana 

Vera Nunes no filme Beijo Roubado - Noites de Copacabana 

Vera Nunes com Oscarito e Rocyr Silveira  no filme Falta Alguém no Manicômio

Vera Nunes com Oscarito e Rocyr Silveira  no filme Falta Alguém no Manicômio

Vera Nunes com Rocyr Silveira  no filme Falta Alguém no Manicômio

Vera Nunes com Sérgio Oliveira  no filme Uma Luz na Estrada

Vera Nunes no filme Uma Luz na Estrada

Vera Nunes no filme Uma Luz na Estrada

Vera Nunes no filme Uma Luz na Estrada

Vera Nunes no filme Uma Luz na Estrada

Vera Nunes no filme Uma Luz na Estrada

Vera Nunes no filme Uma Luz na Estrada

Vera Nunes no filme Também Somos Irmãos

Vera Nunes no filme Também Somos Irmãos



Vera Nunes com Agnaldo Rayol no filme Também Somos Irmãos

Vera Nunes no filme Pinguinho de Gente

Vera Nunes com Orlando Villar no filme Presença de Anita


Vera Nunes e Orlando Villar no filme Presença de Anita

Vera Nunese Orlando Villar no filme Presença de Anita

Vera Nunes no filme Presença de Anita

Vera Nunes no filme Presença de Anita

Vera Nunes no filme Presença de Anita

Vera Nunes no filme Presença de Anita

Vera Nunes com Orlando Villar no filme Presença de Anita

Vera Nunes com Orlando Villar no filme Presença de Anita

Vera Nunes com José Lewgoy no lançamento do filme Presença de Anita

Vera Nunes com Antonieta Morineau e Orlando Villar no lançamento do filme Presença de Anita

Vera Nunes com Antonieta Morineau e  Dina Lisboa no filme Presença de Anita

Vera Nunes no filme Susana e o Presidente

Vera Nunes no filme Susana e o Presidente

Vera Nunes no filme Susana e o Presidente

Vera Nunes no filme Susana e o Presidente

Vera Nunes com Otelo Zeloni no filme Susana e o Presidente

Vera Nunes no filme Susana e o Presidente

Vera Nunes com Orlando Villar  no filme Susana e o Presidente

Vera Nunes com Orlando Villar  no filme Susana e o Presidente

Vera Nunes no filme Susana e o Presidente

Vera Nunes e Orlando Villar  no cartaz do filme Susana e o Presidente

Vera Nunes e Paulo Geraldo recebendo instruções de Geraldo Vietri, diretor do filme Custa Pouco a Felicidade

Vera Nunes com Paulo Geraldo  no filme Custa Pouco a Felicidade
 
Vera Nunes no filme Custa Pouco a Felicidade

Vera Nunes com Paulo Geraldo  no filme Custa Pouco a Felicidade

Vera Nunes com Paulo Geraldo  no filme Custa Pouco a Felicidade

Vera Nunes com Paulo Geraldo  no filme Custa Pouco a Felicidade
 
Vera Nunes com Paulo Geraldo  no filme Custa Pouco a Felicidade

Vera Nunes com Paulo Geraldo  no filme Custa Pouco a Felicidade

Vera Nunes com Paulo Geraldo  no filme Custa Pouco a Felicidade

Vera Nunes com Paulo Geraldo  no filme Custa Pouco a Felicidade

Vera Nunes no filme Custa Pouco a Felicidade

Vera Nunes com Paulo Geraldo  no filme Custa Pouco a Felicidade

Vera Nunes com Paulo Geraldo  no filme Custa Pouco a Felicidade

Vera Nunes com o menino Zequinha Alencar  no filme Custa Pouco a Felicidade

Vera Nunes com Hélio Souto no filme Armas da Vingança

Vera Nunes com  Luigi Picchi no filme Armas da Vingança


Vera Nunes com Hélio Souto no filme Armas da Vingança

Vera Nunes no filme Armas da Vingança

Vera Nunes no filme Armas da Vingança

Vera Nunes com  Luigi Picchi no filme Armas da Vingança

Vera Nunes com Hélio Souto no filme Armas da Vingança

Vera Nunes com Fábio Cardoso no filme Dorinha no Soçaite

Vera Nunes com Fábio Cardoso no filme Dorinha no Soçaite

Vera Nunes com Fábio Cardoso no filme Dorinha no Soçaite

Vera Nunes no filme Dorinha no Soçaite

Vera Nunes com Fábio Cardoso no filme Dorinha no Soçaite

Vera Nunes com Fábio Cardoso no filme Dorinha no Soçaite

Vera Nunes com Fernando balleroni e Older Cazarré na peça Lábios de Fogo

Vera Nunes com Ítalo Rossi na peça Pancada de Amor

Vera Nunes com Jayme Barcellos na peça Leito Nupcial

Vera Nunes na peça Don Juan

Vera Nunes com Walmor Chagas na peça Fugir, Casar ou Morrer

Vera Nunes na peça Fugir, Casar ou Morrer

Vera Nunes na peça O Bengalão do Finado

Vera Nunes na peça Pedacinho de Gente

Vera Nunes na peça Pedacinho de Gente

Vera Nunes na peça Sete Vidas

Vera Nunes e Procópio Ferreira na peça Precisa-se de Um Filho
Programa da peça Precisa-se de Um Filho 


Armando Couto, Vera Nunes, Paulo Autran e Tônia Carrero na peça Um Deus Dormiu Lá Em Casa


Paulo Autran,  Armando Couto, Vera Nunes  e Tônia Carrero na peça Um Deus Dormiu Lá Em Casa


Vera Nunes com Carlos Zara e Sérgio Cardoso na peça Uma Cama para Três

Vera Nunes com Carlos Zara e Sérgio Cardoso na peça Uma Cama para Três

Vera Nunes com Carlos Zara e Sérgio Cardoso na peça Uma Cama para Três

Vera Nunes com Carlos Zara e Sérgio Cardoso na peça Uma Cama para Três

Vera Nunes no teleteatro O Rei dos Reis (TV Paulista, 1952)

Vera Nunes na novela Helena (TV Paulista, 1952)

Vera Nunes com Paulo Goulart na novela Helena (TV Paulista, 1952)

Vera Nunes com Renato Máster e Regina Duarte em As Minas de Prata (TV Excélsior, 1964), novela de Ivani Ribeiro, baseada no romance homômino de José de Alencar, direção de Walter Avancini

Vera Nunes com Fúlvio Stefanini, Regina Duarte, Renato Máster e Susana Vieira em As Minas de Prata

Vera Nunes e Regina Duarte em As Minas de Prata

Vera Nunes com Renato Máster, Regina Duarte e Jacyra Silva em As Minas de Prata

Vera Nunes em As Minas de Prata

Vera Nunes em As Minas de Prata

Vera Nunes com Lídia Costa em Os Estranhos (TV Excélsior, 1968), novela de Ivani Ribeiro, direção de Gonzaga Blota

Vera Nunes em Dez Vidas (TV Excélsior, 1969), novela de Ivani Ribeiro, direção de Carlos Zara

Vera Nunes com Nestor de Montemar, Tônia Carrero e Mauro Mendonça em Sangue do Meu Sangue (TV Excélsior, 1969), novela de Vicente Sesso, direção de Sérgio Britto

Vera Nunes com Walmor Chagas no seriado O Casal Mais Feliz do Mundo (TV Record, 1953)

Vera Nunes com Walmor Chagas no seriado O Casal Mais Feliz do Mundo

Vera Nunes com Walmor Chagas no seriado O Casal Mais Feliz do Mundo

Vera Nunes com Walmor Chagas no seriado O Casal Mais Feliz do Mundo

Vera Nunes com Carlos Zara e Walmor Chagas no seriado O Casal Mais Feliz do Mundo

Vera Nunes apresentando o programa A Grande Vesperal (TV Excélsior, 1961)


Fotos - acervo de Orias Elias - revistas Amiga (Bloch Editores), Contigo (Editora Abril), Sétimo Céu (Bloch Editores), Romântica (Editora Vecchi), Melodias (Editora APA), Manchete (Bloch Editores), Cartaz (Rio Gráfica e Editora SA), Intervalo (Editora Abril), Ilusão (Editora Abril), O Cruzeiro (Diários Associados), Jornais Diário de São Paulo, Folha de São Paulo, Imprensa Oficial, Blog REVISTA AMIGA & NOVELAS (Césio Gaudereto), site TV Globo, Site Canal Viva, Cedoc (TV Globo), Banco de Conteúdos Culturais (www.bcc.org.br), sites diversos da Internet