terça-feira, 30 de julho de 2013

EVA CHRISTIAN A NAMORADA DO HERÓI


Eva Christian nasceu Evelyne Gutmann na cidade de Berlim, Alemanha, em 27 de maio de 1937, mas cresceu em Bucareste, outra cidade alemã. Foi em Bucareste que ela iniciou sua carreia no teatro e no cinema em 1957. Nos anos 1960 atuou em várias Companhias de teatro alemãs em Berlim e Munich. No início dos anos 1970, morou no Brasil, onde participou de alguns filmes como O Enterro da Cafetina,  Anjos e Demônios, Quando as Mulheres Paqueram e Missão: Matar. Mas foi atuando como a doce Aninha, a namorada do herói, na telenovela Jerônimo, o Herói do Sertão (TV Tupi, 1972) que ela ficou nacionalmente conhecida. Antes ela havia feito uma participação em O Cafona (TV Globo, 1971). De volta à Alemanha, continua atuando em cinema e teatro.

Eva Christian

Eva Christian

Eva Christian

Eva Christian

Eva Christian

Eva Christian

Eva Christian e Wanderley Cardoso
Eva Christian com Aurelio Tomassini no cinema

Eva Christian com Luiz Fernando Ianelli no filme Anjos e Demônios

Eva Christian com Dilma Lóes  no filme Quando as Mulheres Paqueram

Eva Christian com Dilma Lóes no filme Assim, Nem a Cama Aguenta

Eva Christian com Francisco di Franco numa fotonovela da revista Amiga

Eva Christian com Francisco di Franco numa fotonovela da revista Amiga

Eva Christian com Francisco di Franco numa fotonovela da revista Amiga

Eva Christian com Francisco di Franco em Jerônimo, o Herói do Sertão  

Eva Christian com Francisco di Franco e Canarinho em Jerônimo, o Herói do Sertão 

Eva Christian com Francisco di Franco e Canarinho em Jerônimo, o Herói do Sertão 

Eva Christian com Francisco di Franco em Jerônimo, o Herói do Sertão

Eva Christian com Ítalo Rossi em Jerônimo, o Herói do Sertão

Eva Christian com Canarinho em Jerônimo, o Herói do Sertão 

Eva Christian com Renée de Vielmond e Francisco di Franco em Jerônimo, o Herói do Sertão
Eva Christian com Francisco di Franco numa fotonovela da revista Amiga

Eva Christian com Francisco di Franco em Jerônimo, o Herói do Sertão
Eva Christian numa fotonovela da revista Sétimo Céu

Eva Christian com o cantor Silvio César numa fotonovela da revista Sétimo Céu

Eva Christian com o cantor Silvio César numa fotonovela da revista Sétimo Céu

Eva Christian com Francisco di Franco em Jerônimo, o Herói do Sertão

Eva Christian com Renée de Vielmond e Francisco di Franco em Jerônimo, o Herói do Sertão

Eva Christian com Francisco di Franco em Jerônimo, o Herói do Sertão  

Eva Christian com Francisco di Franco em Jerônimo, o Herói do Sertão


Fotos - acervo de Orias Elias - revistas Amiga (Bloch Editores), Contigo (Editora Abril), Sétimo Céu (Bloch Editores), Romântica (Editora Vecchi), Melodias  (Editora APA), Manchete (Bloch Editores), Cartaz (Rio Gráfica e Editora SA)

sábado, 27 de julho de 2013

CARLO MOSSY UMA VIDA DE FILME

A vida de Carlo Mossy daria um roteiro de filme de aventura com o mocinho se dando bem. Nascido Moisés Abrão Goldszal em Tel Aviv no ano de 1946, chegou ao Brasil com 4 anos de idade e foi um típico garotão da zona sul carioca. No início dos anos 1960, ao salvar Fernand Legros, um renomado Marchand de quadros, que se afogava na praia de Copacabana, recebeu do milionário, como agradecimento, uma bolsa de estudos para estudar cinema, teatro e música no exterior durante 3 anos. Além dos estudos na França, Inglaterra e Estados Unidos, Legros apresentou o jovem a grandes estrelas e diretores. A amizade entre os dois durou por toda a vida de Legros, que ao morrer deixou uma fortuna em quadros para seu protegido e salvador. De volta ao Brasil, Mossy aplicou seu aprendizado e se tornou um dos maiores galãs de cinema, atuando, dirigindo e produzindo grandes sucessos comerciais. Entre 1968 e 1986, marcou presença em mais de 20 produções cinematográficas. Na década de 1990 deu uma pausa, para voltar na década seguinte atuando em mais uma dezena de produções menores, curtas e documentários e outra dezena de participações na televisão entre séries e telenovelas. No teatro, atuou em algumas peças no final dos anos 1960, mas sua paixão sempre foi o cinema. Paralelo à carreira nas telas, Mossy sempre foi um desportista de primeira hora e nunca se descuidou do físico. É também um poliglota, fala fluentemente, além do português, o espanhol, inglês, francês, polonês e se comunica com facilidade em italiano e alemão. Enfim, uma fera. Aqui um pequeno plá da carreira do nosso festejado galã de cinema.

Carlo Mossy 

Carlo Mossy 

Carlo Mossy 

Carlo Mossy 

Carlo Mossy 

Carlo Mossy 

Carlo Mossy 

Carlo Mossy 

Carlo Mossy 

Carlo Mossy 

Carlo Mossy 

Carlo Mossy 

Carlo Mossy e Adriana Prieto

Carlo Mossy com Vera Fischer 
Carlo Mossy com Rosana Ghessa

Carlo Mossy com outros gigantes: Tarcísio Meira e Pelé 

Carlo Mossy na revista Sétimo Céu
Carlo Mossy 

Carlo Mossy 
Carlo Mossy 


Fotos - acervo de Orias Elias - revistas Amiga (Bloch Editores), Contigo (Editora Abril), Sétimo Céu (Bloch Editores), Romântica (Editora Vecchi), Melodias  (Editora APA), Manchete (Bloch Editores), Cartaz (Rio Gráfica e Editora SA), Intervalo (Editora Abril), O Cruzeiro, Blog Luiz Rangel, Site Meu Cinema Brasileiro, Jornal Copacabana, Canal Brasil, site Banco de Conteudos Culturais (www.bcc.org.br)