terça-feira, 23 de abril de 2013

PAULO AUTRAN O SENHOR DOS PALCOS


Paulo Autran nasceu no Rio de Janeiro, mas viveu a maior parte de sua vida em São Paulo. Formou-se em direito, mas sua carreira como advogado foi breve, passando seu escritório de advocacia, que ia muito bem, para o pai e dedicando-se ao que realmente era sua vocação: o Palco.

Começou participando de algumas peças teatrais amadoras em São Paulo, até ser convidado pelo Grupo de Teatro Experimental do autor e diretor Abílio Pereira de Almeida para  uma rápida temporada do grupo no Rio de Janeiro, onde sua atuação na peça À Margem da Vida chamou a atenção de Tônia Carrero, que também iniciava sua carreira no Teatro e o convidou para protagonizar com ela a peça Um Deus Dormiu lá em Casa.  Convite aceito, encerrava-se uma carreira de advogado e iniciava-se uma outra: de ator que brilharia por mais de 6 décadas nos palcos, cinema e televisão do Brasil.

Nos anos 1950 Paulo Autran foi contratado pelo Teatro Brasileiro de Comédia, o TBC, participando de grandes espetáculos. Saindo do TBC, Paulo Autran, Tônia Carrero e o diretor Adolfo Celli fundaram a Cia Tonia-Celi-Autran, no Rio de Janeiro, estreando com Othelo, de William Shakespeare e seguindo com mais uma temporada de êxitos.


Nos anos 1960, os espetáculos My Fair Lady, com Bibi Ferreira, e Depois da Queda, com Maria Della Costa, renderam a Paulo Autran todos prêmios de Melhor Ator de teatro. 

No cinema participou de uma dezena de filmes, com destaque para o clássico Terra em Transe de Glauber Rocha e na televisão atuou em 5 novelas e duas minisséries, com enorme sucesso, especialmente nas novelas Pai Herói e Guerra dos Sexos.

Fumante inveterado teve, primeiro, um grave infarto; alguns anos mais tarde, um câncer no pulmão e finalmente veio a falecer em 12 de Outubro de 2007, aos 85 anos de idade, após sofrer um enfisema pulmonar.

Seu último trabalho nos palcos foi na peça O Avarento, em 2006, um retumbante sucesso, como na grande maioria de seus trabalhos.

Paulo Autran foi um símbolo de profissionalismo e sabedoria, senhor absoluto dos palcos e um orgulho nacional.

Aqui uma pequena mostra da formidável carreira desse monstro sagrado do teatro brasileiro.

Paulo Autran 


Paulo Autran



Paulo Autran - Um Deus Dormiu Lá em Casa

Paulo Autran 

Paulo Autran 

Paulo Autran 

Paulo Autran


Paulo Autran 

Paulo Autran 

Paulo Autran

Paulo Autran  - Leonor de Mendonça

Paulo Autran  na capa do belíssimo livro Paulo Autran Sem Comentários, editado pela Cosac Naify para a Fundação Armando Álvares Penteado

Paulo Autran - Morte e Vida Severina 

Paulo Autran  - Antígone

Paulo Autran - Uma Certa Cabana

Paulo Autran  - Um Castelo na Suécia

Paulo Autran 

Paulo Autran  - Eqqus 

Paulo Autran - O Homem de La Mancha 

Paulo Autran  - Para Sempre 

Paulo Autran  - Quadrante 


Paulo Autran  - Ralé 

Paulo Autran  - A Dama das Camélias  

Paulo Autran 

Paulo Autran

Paulo Autran  - filme Uma Pulga na Balança

Paulo Autran  e Jardel Filho - filme Terra em Transe
 
Paulo Autran  - filme Terra em Transe

Paulo Autran

Paulo Autran

Paulo Autran

Paulo Autran

Paulo Autran numa entrega do Prêmio Molière em 1981

Paulo Autran e Tônia Carrero

Paulo Autran e Karin Rodrigues, a amiga de todas as horas  

Paulo Autran e Célia Biar, grandes amigos  

Paulo Autran e Tônia Carrero, amigos eternos 

Paulo Autran e Tônia Carrero 

Paulo Autran e Tônia Carrero

Paulo Autran e Tônia Carrero no programa Dois Mil Anos de Teatro (TV Tupi)

Paulo Autran e Tônia Carrero no programa Dois Mil Anos de Teatro (TV Tupi)

Paulo Autran - Um Homem no Palco




Paulo Autran - Rei Lear

Programa da peça Seis Personagens à Procura de Um Autor

Programa da peça A Amante Inglesa

Programa da peça O Céu Pode Esperar 

Programa das peças Tartufo e Feliz Páscoa 

Programa da peça O Crime do Dr. Alvarenga 

Programa da peça As Regras do Jogo 

Paulo Autran

Paulo Autran 

Paulo Autran  



Fotos - acervo de Orias Elias - revistas Amiga (Bloch Editores), Contigo (Editora Abril), Sétimo Céu (Bloch Editores), Romântica (Editora Vecchi), Melodias  (Editora APA), Manchete (Bloch Editores), Cartaz (Rio Gráfica e Editora SA), Intervalo (Editora Abril), O Cruzeiro, Jornais Diário de São Paulo, Folha de São Paulo, Imprensa Oficial, site TV Globo, biografias diversas  

Nenhum comentário:

Postar um comentário