sábado, 28 de janeiro de 2012

Leila Diniz na televisão

Leila Diniz não tinha qualquer preconceito, nem na vida, nem na carreira. Nos anos 1960 ela era presença cativa em diversas novelas escritas por Glória Magadan.

Leila Diniz com Reginaldo Farias em Ilusões Perdidas (TV Globo, 1965) 
Leila Diniz com Reginaldo Farias em Ilusões Perdidas 
Leila Diniz em Ilusões Perdidas

Leila Diniz com Walter Forster em Paixão de Outono (TV Globo, 1965) 


Leila Diniz com Yoná Magalhães e Carlos Alberto em Eu Compro Esta Mulher (TV Globo, 1966), novela de Glória Magadan
Leila Diniz com Yoná Magalhães em Eu Compro Esta Mulher

Leila Diniz em Eu Compro Esta Mulher
(* foto da Sétimo Céu - coleção de José Henrique Uessler) 
Leila Diniz com Miriam Pires e Yoná Magalhães em Eu Compro Esta Mulher

Leila Diniz com Carlos Alberto em Eu Compro Esta Mulher

Leila Diniz em Eu Compro Esta Mulher
(* foto da revista Sétimo Céu - coleção de José Henrique Uessler) 

Leila Diniz com Amilton Fernandes em O Sheik de Agadir (TV Globo, 1967), novela de Glória Magadan  
Leila Diniz com Amilton Fernandes em O Sheik de Agadir 
Leila Diniz e Marieta Severo em O Sheik de Agadir 
Leila Diniz em O Sheik de Agadir
Leila Diniz com Yoná Magalhães e Yara Lins em O Sheik de Agadir   
Leila Diniz com Amilton Fernandes em O Sheik de Agadir 

Leila Diniz com Amilton Fernandes em O Sheik de Agadir  

Leila Diniz com Amilton Fernandes em O Sheik de Agadir   
Leila Diniz em O Sheik de Agadir 

Leila Diniz com Amilton Fernandes em O Sheik de Agadir 

Leila Diniz com Ziembinski em A Rainha Louca (TV Globo, 1967), novela de Glória Magadan  
Leila Diniz e Paulo Gracindo em A Rainha Louca
(* foto da revista Sétimo Céu - coleção de José Henrique Uessler) 
Leila Diniz e Amilton Fernandes em A Rainha Louca 

Leila Diniz e Henrique Martins em Anastácia, a Mulher sem Destino (TV Globo, 1967), novela de Janete Clair
Leila Diniz e Henrique Martins em Anastácia, a Mulher sem Destino 
Leila Diniz com Paulo Gonçalves e Paulo Padilha em Anastácia, a Mulher sem Destino

Leila Diniz e Henrique Martins no anúncio da novela Anastácia, a Mulher sem Destino 
Leila Diniz e Henrique Martins num intervalo de gravações de Anastácia, a Mulher sem Destino 
Leila Diniz e Luiz Orioni em Anastácia, a Mulher sem Destino 
Leila Diniz em Anastácia, a Mulher sem Destino 
Leila Diniz em Anastácia, a Mulher sem Destino
(* fotos da revista Sétimo Céu - coleção de José Henrique Uessler) 
Leila Diniz com Henriette Morineau e Henrique Martins em Anastácia, a Mulher sem Destino 

Leila Diniz e Miriam Pires em Anastácia, a Mulher sem Destino 

Leila Diniz e José Augusto Branco em Anastácia, a Mulher sem Destino

Leila Diniz com Mário Brasini em Anastácia, a Mulher sem Destino 

Leila Diniz com Paulo Gonçalves em Anastácia, a Mulher sem Destino 

Leila Diniz em Anastácia, a Mulher sem Destino 
Leila Diniz e Henrique Martins em Anastácia, a Mulher sem Destino   
Araci Cardoso, Edson França, Leila Diniz e Mário Brasini em Anastácia, a Mulher sem Destino   
Leila Diniz com Henrique Martins, Flora Geni em O Direito dos Filhos (TV Excélsior, 1968), novela de Teixeira Filho 
Leila Diniz com Davi José em O Direito dos Filhos

Leila Diniz com Davi José e Henrique Martins em O Direito dos Filhos

Leila Diniz com Henrique Martins em O Direito dos Filhos

Leila Diniz com Davi José em O Direito dos Filhos

Leila Diniz  em O Direito dos Filhos

Leila Diniz e Leonardo Villar em Acorrentados (TV Rio, 1969), novela de Janete Clair 
Leila Diniz e Leonardo Villar em Acorrentados 
Leila Diniz, Leonardo Villar e Dina Sfat em Acorrentados 
Leila Diniz em Acorrentados

Leila Diniz em Acorrentados


Leila Diniz com Patricia Ayres e Ronnie Von em A Menina do Veleiro Azul (TV Excélsior, 1969), novela de Ivani Ribeiro

E Nós, Aonde Vamos? (TV Tupi, 1970) de Glória Magadan, foi a última novela de Leila Diniz. Geraldo Del Rey também estava no elenco.

fotos: acervo de Orias Elias - revistas Sétimo Céu (Bloch Editores) , Intervalo (Editora Abril), Amiga (Bloch Editores), Blog Revista Amiga e Novelas, site TV Globo

Um comentário:

  1. Eu me lembro do Sheik de Agadir e de Dez Vidas. Essa última era sobre Tiradentes. Gostava muito.

    ResponderExcluir